Audiência pública vai debater a retomada das obras da escola Tiradentes em Barra do Garças

Foto: Ronaldo Mazza

Acontece nesta quinta-feira (26), às 19 horas, na Câmara Municipal de Barra do Garças, audiência pública para tratar da retomada das obras do projeto Escola Militar Tiradentes no município, nas antigas instalações da Escola Dom Bosco. O pedido foi feito pelos parlamentares Dr. Eugênio (PSB) e Silvio Fávero (PSL).

No requerimento, os parlamentares justificam que a audiência será uma resposta para sociedade barra-garcense, que tem aguardado com grande expectativa a efetivação da obra no município. “Ressalto que a realização dessa audiência será um importante passo para conclamar a própria comunidade para debater e discutir, somando esforços para que o sonho se concretize”, explicou o deputado Dr. Eugênio.

Em abril, o parlamentar esteve na Secretaria Estadual de Educação, acompanhado do vereador Julio Cesar (PSDB), para cobrar a retomada das obras. Na ocasião, o agente penitenciário Gustavo Ferraz apresentou o trabalho de ressocialização com os detentos de Barra do Garças e ofereceu a mão de obra dos reeducandos para a conclusão da escola.

A ordem de serviço foi então assinada em março de 2018 (gestão anterior), com a expectativa de conclusão em 90 dias, o que não aconteceu. “Já conseguimos a mão de obra, agora é necessário dar início aos trabalhos. A escola será muito importante para nossa região. Já formamos grandes profissionais e queremos que a escola militar venha para contemplar e dar mais qualidade para a educação”, explicou o vereador Julio Cesar.

Autor da Lei 10.922/2019, que facilita a implantação e a criação das escolas cívico militares em Mato Grosso, Fávero fala sobre a importância de oportunizar a população com a escola, que tem como referencial a valorização da família, os princípios morais e a disciplina.

“O intuito é oferecer excelência no ensino, além de transmitir valores morais, disciplina, amizade, patriotismo, o respeito à família, à pátria e o incentivo ao esporte. Além de respeito ao professor, que tem sido alvo de violência em sala de aula. A audiência acontece nesta quinta e será aberta para todo o público. É importante a participação de todos. Por isso, reforço o convite”, destacou Dr. Eugênio.

Comentários Facebook