Prefeitura instalou quase 70% dos novos abrigos

A população rondonopolitana está contando com 55 novos abrigos para aguardarem com maior conforto o transporte coletivo, táxis e mototáxis. A substituição segue em ótimo ritmo de execução e está chegando ao final da terceira fase, representando quase 70% da quantidade a ser instalada.

O contrato prevê quatro etapas, sendo 20 instalações em cada, que devem ser finalizadas até novembro deste ano. Após a fixação dos novos pontos, será a vez da rede elétrica garantindo maior comodidade e funcionalidade, pois cada estação contará com iluminação com lâmpadas de LED e tomadas USB para os usuários recarregarem celular, além de lixeiras basculantes.

A primeira substituição dos velhos pelos novos pontos de espera começou há praticamente três meses, pelo quadrilátero central da cidade devido ao maior fluxo de passageiros. Na sequência outros locais com grande demanda de transporte receberam e receberão a troca da estrutura.

A prefeitura está investindo recursos próprios nas 80 instalações, sendo 50 destinadas ao transporte coletivo, 20 para os mototaxistas e 10 para os taxistas. O projeto foi criado visando o bem estar dos usuários principalmente do transporte coletivo, maior número de passageiros em relação aos outros meios de locomoção beneficiados com a ação.

Outro ponto assegurado pelo Instituto de Pesquisa e Planejamento Urbano de Rondonópolis (IPPUR) é o respeito e inclusão, cada instalação inclui calçadas com acessibilidade para cadeiras de rodas e piso tátil para deficientes visuais.

Comentários Facebook