Vasco chega a 36 pontos após empate de 1 a 1 com Palmeiras


Em jogo válido pela 1ª rodada do Campeonato Brasileiro, o Vasco empatou com Palmeiras por 1 a 1 no Allianz Parque. O gol vascaíno foi marcado por Martin Benítez, em cobrança de falta. Com esse resultado, a equipe comandada por Vanderlei Luxemburgo chegou aos 36 pontos e pulou para a 14ª posição. O próximo compromisso do Gigante da Colina na competição, será diante do Bahia, no próximo domingo (31/01), às 16h, em São Januário.

O Vasco iniciou o jogo estudando as ações da partida. A primeira boa chance vascaína veio aos 4 minutos, Martin Benítez cobrou falta, na cabeça de Léo Matos. O lateral chegou testando firme para dentro da meta, mas o gol acabou sendo anulado pelo VAR por posição irregular do camisa 3. Aos 18, Léo Matos interceptou um passe da defesa adversária, no campo de ataque. A bola chegou para Germán Cano que ajeitou para Martin Benítez. O camisa 10 dominou e engatilhou o chute, que acabou subindo e saindo por cima do gol.

Aos 20 minutos, Benítez cobrou outra falta para dentro da área. O goleiro Jailson afastou mal, a bola sobrou nos pés de Germán Cano que tocou para Ricardo Graça. O zagueiro dominou e engatilhou o chute que parou nas mãos do goleiro. Aos 29, Benítez aproveitou um erro na saída de bola do adversário e rolou para Leó Matos na direita. O lateral chegou cruzando rasteiro, de primeira, procurando Germán Cano que fechava. O camisa 14 se esticou e por pouco não tocou na bola. No minuto seguinte, o adversário abriu o placar com Breno Lopes: Palmeiras 1 a 0.

O Vasco tentou a resposta imediata. Logo na saída de bola, Henrique avançou pela esquerda e tentou cruzar nos pés de Germán Cano que entrava livre, antes da bola chegar no artilheiro, o goleiro Jailson interceptou. Aos 34 minutos, Martin Benítez cobrou com perfeição uma falta de longa distância e igualou o placar, um golaço do camisa 10 no Allianz Parque: VASCO 1 a 1. Após o gol marcado, o Vasco seguiu tentando incomodar o adversário, porém não teve nenhuma chance clara até o final da primeira etapa.

O Vasco começou a segunda etapa buscando incomodar as ações do adversário. A primeira boa investida vascaína no segundo tempo veio aos 11 minutos. Talles Magno avançou pela esquerda e achou Germán Cano livre pelo meio, o artilheiro arriscou a finalização de longa distância e a bola acabou saindo sem muito perigo. Com pouquíssimas chances claras na segunda etapa, o Cruzmaltino voltou a incomodar a meta adversária aos 42 minutos. Fernando Miguel repôs a bola rapidamente, na direção de Gabriel Pec, o atacante dominou no meio de três marcadores, ajeitou e chutou firme do meio da rua, parando na boa defesa do goleiro Jailson.

Comentários Facebook