Com garra o Inter luta até o fim, mas não supera o Corinthians e fica com o vice no Brasileirão


O Clube do Povo lutou até o final, encarou novo erro da arbitragem, marcou três gols anulados, mas não conseguiu superar o Corinthians, no Beira-Rio, em partida da 38ª rodada do Brasileirão. Encerrada sem gols, a jornada levou o Inter, vice-campeão, aos 70 pontos na tabela.

Atuando com um zagueiro na lateral-direita, o Corinthians impediu a tradicional pressão colorada nos minutos de abertura da partida. Inteligente, Abel respondeu ao encaixe adversário invertendo seus pontas. Pela direita, Patrick começou a perturbar Fábio Santos. Na esquerda, Caio incomodou Mendez.

No ritmo da nova disposição, Moisés avançou pela esquerda e, aos 30, cruzou rasteiro. Ramiro, com a mão, cortou. Pênalti indicado por Wilton, mas assustadoramente anulado pelo VAR. O erro da arbitragem não abalou o time colorado, que seguiu intenso. Aos 44, Yuri recebeu do Pantera e, cara a cara com Cássio, tocou por cobertura. Gol, anulado por impedimento após nova intervenção do recurso de vídeo. Intervalo iniciado, placar zerado.

O Inter lutou até o minuto final da segunda etapa, com direito a dois gols anulados, um de Abel, por motivos inexistentes, e outro de Edenilson, aos 49 minutos, por impedimento. Várias foram as chances criadas, mas o Corinthians segurou a igualdade no placar até o último apito. Jogo encerrado, e vice-campeonato no Beira-Rio.

Comentários Facebook