Primeiro secretário da ALMT lamenta morte de Silvio Fávero


O deputado Silvio Fávero faleceu neste sábado (13), em Cuiabá, onde estava internado por complicações em decorrência da Covid-19, doença que avança assustadoramente em Mato Grosso em todo Brasil., fazendo milhares de vítimas.

Muito abalado, Botelho lamentou a perda desse grande amigo, que deixa um grande legado para a população de Mato Grosso, pois não mediu esforços para lutar bravamente por melhorias em todos os setores essenciais, assim como fez lutando pela vida.

“Infelizmente pessoal, perdemos nosso grande amigo, artilheiro Silvio Fávero. Um exemplo de homem público, pai, esposo e amigo. Que Deus na sua infinita bondade o receba para o descanso Eterno!, lamentou Botelho.

Consternado, Botelho citou uma passagem da Bíblia Sagrada: Disse-lhe Jesus: “Eu sou a ressurreição e a vida. Aquele que crê em mim, ainda que morra, viverá; e quem vive e crê em mim, não morrerá eternamente (João 11:25-26).

Silvio Antonio Fávero era natural de Umuarama-PR, nasceu em 31 de agosto de 1966. Casado, pai de três filhos, filho do saudoso Seo Sebastião e de Dona Angélica, advogado, empresário, produtor rural, ex-vice-prefeito de Lucas do Rio Verde e, atualmente, estava exercendo o primeiro mandato como deputado estadual.

Fonte: ALMT

Comentários Facebook