Há três anos, Emerson Sheik marcava último gol pelo Corinthians


Foto: Daniel Augusto Jr./Agência Corinthians
Um dos grandes ídolos da história alvinegra marcou seu último gol com a camisa corinthiana há três anos. Emerson Sheik, um dos grandes nomes da conquista da Copa Libertadores e do Mundial de Clubes da Fifa em 2012, balançava a rede pela última vez como atleta do Timão em 14 de março de 2018.
A Neo Química Arena, então com o nome de Arena Corinthians, recebia a partida entre o Corinthians e o Deportivo Lara, da Venezuela, pela fase de grupos da Libertadores daquele ano. Na ocasião, Sheik foi escalado como titular pelo técnico Fábio Carille, que mandou um onze inicial a campo com: Cássio; Fagner, Balbuena, Henrique e Sidcley; Gabriel, Maycon e Rodriguinho; Emerson Sheik, Romero e Clayson.
Com a bola rolando, o Timão teve alguma dificuldade na primeira etapa e não conseguiu tirar o zero do placar. Coube ao ídolo, então com a camisa 47, abrir o placar de cabeça aos 20 minutos do segundo tempo. E o Alvinegro conseguiria ampliar com um gol contra de Pernía.
Emerson Sheik viveu três passagens pelo Coringão. Ele chegou pela primeira vez na metade da temporada 2011, e conquistou o título do Brasileirão daquele ano, além de marcar os dois gols da vitória no jogo de volta da final da Libertadores 2012, também integrando o time campeão do Mundial no mesmo ano.
Depois, Sheik venceu o Paulistão e a Recopa Sul-Americana em 2013, e permaneceu na equipe até o início de 2014, quando foi emprestado. Retornou em 2015, jogando em parte da temporada e deixando novamente a equipe – chegou, no entanto, a atuar no início da campanha que terminou com o título do Brasileirão. Voltou a jogar pelo Coringão em 2018, onde encerrou a carreira com o título do Paulistão. Ele também foi coordenador de futebol em parte da temporada 2019.
COMENTE ABAIXO:

Comentários Facebook