Internacional supera Ypiranga e vence de 4 a 2


No Beira-Rio, o Inter superou o Ypiranga por 4 a 2 em partida da quarta rodada do Gauchão. Marcado pelos retornos de grupo principal, que estreou na temporada 2021, e Paolo Guerrero, de volta aos gramados após 210 dias, o duelo contou duas viradas, uma visitante e outra vermelha. Yuri Alberto, Zé Gabriel, Edenilson e Patrick marcaram os gols do Clube do Povo no duelo, realizado a partir das 20h de domingo (14/03).

Os três pontos conquistados no Beira-Rio levam o Inter à terceira colocação estadual. O Clube do Povo agora volta suas atenções para o Novo Hamburgo, adversário do próximo domingo (21/03). Válida pela quinta rodada do Gauchão, a partida contará com mando de campo da equipe anilada.O *Clube do Povo abriu o confronto diante do Ypiranga com linhas adiantadas, realizando intensa pressão no campo ofensivo. Ousada, a postura valeu ao Inter gol logo aos cinco minutos, anotado por Yuri Alberto após linda assistência de Rodinei, em jogada iniciada a partir de desarme no campo de ataque.

Depois de controlar a partida até a casa dos 20 minutos, o Inter, muito por conta do natural desgaste físico de início de temporada, arrefeceu o domínio. Foi a vez do Ypiranga, então, adiantar suas linhas e incomodar a saída de jogo vermelha. Neste cenário, aos 43, os visitantes chegaram ao gol de empate, último da etapa inicial, marcado por Cristiano.

Os minutos que sucederam o intervalo assustaram a torcida colorada, que viu o Ypiranga chegar ao segundo gol aos quatro, em cobrança de pênalti de Caprini. A comissão técnica colorada respondeu ao tento com troca nas pontas, promovendo as entradas de Caio Vidal e Patrick, que ofereceram novo ânimo ao ataque vermelho.

Mais encaixado, o Inter chegou ao empate em preciso cabeceio de Zé Gabriel, servido por boa cobrança de escanteio de Edenilson. Ato contínuo, Guerrero e Galhardo foram alçados a campo, resultando em domínio ainda maior do Clube do Povo, que passou a martelar em busca da virada, em muito retardada pela defesa canarinho, com destaque para Deivity.

Aos 44, porém, Caio não ofereceu alternativa aos rivais, que travaram o jovem com falta. Dentro da área? Pênalti, que Edenilson converteu. Pouco depois, Patrick recebeu de Rodinei e, com a meta aberta, completou para fazer o quarto e encerrar o placar.

Comentários Facebook