Em cerimônia de posse, Botelho destaca atuação da ALMT em defesa da agricultura familiar


Foto: FABLICIO RODRIGUES / ALMT

Durante a posse do deputado Gilberto Cattani (PSL), na vaga deixada pelo deputado Silvio Fávero, que faleceu no último dia 13, o primeiro-secretário da Assembleia Legislativa de Mato Grosso (ALMT), deputado Eduardo Botelho (DEM), foi enfático ao citar o trabalho desenvolvido para o fortalecimento da agricultura familiar. Setor que também é uma das bandeiras de atuação do novo parlamentar, empossado nesta quinta-feira (18), na Presidência da ALMT.

Botelho deu as boas-vindas a Catani e ressaltou a importância de o parlamento receber mais um deputado que defende os pequenos produtores. “Fiquei feliz por saber que a sua origem é igual a minha. Cattani, você já vem com uma bandeira que luto aqui dentro. Sempre defendendo a pequena propriedade rural, os pequenos produtores rurais. Sabemos as dificuldades que têm de colocar seus produtos no mercado. Temos feito ações para conseguir melhorar isso, mas as prefeituras não estão ajudando. Criamos aqui, através do deputado Dilmar Dal Bosco e ex-deputado José Domingos o projeto do Susaf [Lei 10.673/18] com a possibilidade de municipalização disso, mas as prefeituras não demonstraram interesse em montar uma estrutura para certificar os seus produtos. Tudo isso são ações que temos que começar a cobrar”, alertou Botelho, ao defender ações que promovam e fortaleçam a cadeia produtiva, agregando valor ao produto.

Outro apontamento feito pelo deputado se refere à regularização fundiária. Lembrou que a ALMT já contribuiu com recursos para dar celeridade ao processo de regularização. “A maioria das pessoas não tem documento de suas propriedades. Já repassamos recursos para Intermat [Instituto de Terras de Mato Grosso] para agilizar esse processo e vamos continuar essa luta que é um dos grandes problemas do estado”.

Cattani agradeceu as boas-vindas e garantiu que seu trabalho no parlamento será pautado em levar mais esperança aos pequenos produtores rurais. “Serei um deputado em defesa de Mato Grosso. Minha primeira bandeira é defender o pequeno produtor. Um dos cânceres da política do nosso país é justamente a corrupção e ela tem que ser combatida!”, disse o novo parlamentar.

Além do presidente da ALMT, deputado Max Russi (DEM) e do deputado Elizeu Nascimento (PSL), também participou o presidente do PSL, Aécio Rodrigues. “Gilberto Cattani assumiu por ser o primeiro suplente diplomado. Infelizmente, tentaram tumultuar a posse, mas com certeza venceu a lei e quem devidamente tem que tomar a posse. Os quatro deputados do PSL estarão unidos e trabalhando por Mato Grosso. Partido que passa a ter a maior bancada no parlamento mato-grossense”, disse o presidente do PSL.
 

Fonte: ALMT

Comentários Facebook